terça-feira, 23 de abril de 2019

Resenha - Trono de Vidro – Rainha das Sombras




Título: Trono de Vidro – Rainha das Sombras – Trono de Vidro #4
Autor: Sarah J. Maas
Editora: Galera Record
Classificação: 
Páginas: 644
Sinopse: Todos que Celaena Sardothien amou lhe foram tirados. Mas finalmente chegou a hora da retribuição. A vingança promete ser tão dura quanto o aço da Espada de Orynth — a espada de seu pai. Finalmente Celaena retornou ao império; por justiça, para resgatar seu reino e confrontar as sombras do passado.
A assassina está morta. Ela abraçou a identidade de Aelin Galathynius, rainha de Terrasen. Mas antes de reclamar o trono, precisa lutar. E ela vai lutar. Por seu primo, a Puta de Adarlan, o general do Norte... um guerreiro preparado para morrer por sua soberana; por seu amigo Dorian, um príncipe preso em uma inimaginável prisão; por seu povo, escravizado por um rei cruel e à espera do retorno triunfante de sua líder; por seu carranam e a libertação da magia.
Ao avançar em seu plano, no entanto, Aelin precisa tomar cuidado com velhos inimigos. E abrir o coração para novos e improváveis aliados. Tudo isso enquanto os valg continuam trabalhando nas sombras. E Manon Bico Negro, a Líder Alada das Treze, treina suas bestas voadoras. Mas é de Morath, a fortaleza montanhosa do Duque de Perrington, que uma ameaça como nenhuma outra promete destroçar seu grupo de rebeldes e sua corte recém-formada.
 OBS: Pode conter spoilers do livro anterior.

Resenha: 
Rainha das Sombras é o quarto livro da série Trono de Vidro da autora Sarah J. Mass e por mais que eu não quisesse é impossível não dar spoilers dos acontecimentos do livro anterior.
Celaena Sardothien não existe mais. Agora ela é Aelin Galathynius, herdeira e rainha de Terrasen e voltou de Wendlyn para recuperar a terceira chave de wyrd que está com ninguém menos que Arobynn o líder dos assassinos, seu mestre e pelas circunstâncias o responsável pela morte de Sam e a ida de Aelin para Endovier.

Agora Aelin terá que ser mais esperta que o Assassino se quiser enganá-lo e recuperar de volta o colar da sua família onde está uma das chaves wyrd. Mas em meio a isso, ela descobre que o castelo está um caos. O capitão da guarda Chaol Westfall está nas ruas do forte de Fenda junto aos rebeldes depois do rei prender Aedion e sentencia-lo a morte, escravizar seu filho com um colar onde um demônio príncipe Valg o controla, e matar milhares pessoas. Logo Aelin precisará entrar em ação e dar um jeito de recuperar Aedion e tentar salvar Dorian das garras do pai, enquanto Chaol ajuda os escravos a se libertarem.
Mas sem muita saída, Aelin não conseguirá passar pelas defesas do castelo para resgatar o primo sem ser morta. E para sua não tão surpresa, quem se oferece para ajudá-la é Arobynn. Sem muita escolha, Aelin precisará aceitar a ajuda do Rei dos Assassinos, mesmo sabendo que Arobynn exigirá um preço alto. Será que Aelin estará ela disposta a pagá-lo quando chegar a hora?
“Não podemos olhar para trás, Chaol. Olhar para trás não ajuda nada nem ninguém. Só podemos seguir em frente.” 
Já em Morath, temos Manon, líder Alada das bruxas bico negro que está sem saída a não ser aceitar as ordens Duque Perrington enquanto ele faz experimentos e cria cada vez mais monstros de escuridão. Com sentimentos conturbados, Manon logo vai descobrir muitas coisas sombrias ao redor das montanhas e sua lealdade ficará balançada quando grandes verdades forem reveladas.

Logo o destino de todos os personagens se juntarão e eles precisarão escolher um lado da batalha. Será que Aelin conseguirá salvar a todos junto com seus aliados? Será que conseguirá destruir tantos inimigos que espreitam em sua volta? Mesmo sem magia, a assassina fará de tudo para destruir o mal que os espreita, mesmo não tendo ideia de que o verdadeiro inimigo sempre esteve tão próximo e estava a muito tempo desperto. 
“ Ela era a herdeira do fogo. Ela era fogo e luz e cinzas e brasa. Era Aelin coração de fogo e não se curvaria para nada nem ninguém, exceto a coroa que era dela por direito, por sobrevivência e por triunfo.”


Se Herdeira do Fogo conseguiu superar o segundo livro Coroa da Meia-Noite, com certeza Rainhas das Sombras sambou em todos os livros da série. Eu nem poderia imaginar o quanto esse quarto livro seria impactante e como poderia ser tão superior aos outros.
São tantos, mas tantos acontecimentos nesse livro, que escrever uma resenha sem dar spoilers dessa história fica bem difícil. Mas o que posso garantir é que com certeza Rainhas das Sombras é um dos meus livros favoritos do momento.

Temos personagens novos, lutas de tirar o fôlego, revelações chocantes, planos e estratégias bem elaboradas e a Sarah não deixa pontas soltas quando se trata de surpreender o leitor.
Falando dos personagens, nem por onde começar de tanta coisa a dizer. Primeiro posso dizer que Aelin, saiu do luto de terceiro livro e nesse ela está focada em salvar seus amigos, se vingar de Arobynn, recuperar as chaves de Wyrd, e retornar com a magia em Adarlan. Planos muito arriscados que até mesmo a personagem não sabe se sobreviverá a eles, e enquanto está traçando um plano surge mais dois problemas em sua frente e por mais que o peso e carga esteja toda em cima de Aelin, ela se mantém firme e focada em seus objetivos. Foi uma personagem que cresceu bem nesses quatro livros e nessa história já podemos ver ela como uma verdadeira rainha, que toma decisões difíceis, que age com brutalidade quando necessário e que sabe quais pontos fracos deve melhorar, não tem como compará-la ao primeiro livro e não ver o longo desenvolvimento dela.

Temos Aedion que aparece mais nesse livro, vemos o quanto o personagem é corajoso, leal e destemido e sua personalidade marcante faz com que seja muito fácil gostar dele e foi legal ver um grande personagem inserido a pouco na história, mas que com certeza teve o maior destaque até agora. Um personagem que promete ser um dos melhores da série, e que apesar do livro ter aquele ar ‘tenso’ devido a grande batalha que está por vir, conseguimos ver algumas cenas bem leves e até mesmo meio divertidas entre Aedion, Aelin e até mesmo Rowan.

Já falando em Rowan (tem crush mais amável que esse?) que personagem! Desde o primeiro instante vemos o quanto Rowan pode ser feroz e frio nas batalhas, mas o quanto ele pode ser destemido, amoroso e até carinhoso com Aelin e como os dois são feitos um para o outro. Apesar do ar sombrio que passa por fora, o personagem faz de tudo para proteger Aelin e não mede esforços para estar ao lado dela a apoiando em suas decisões, além daquele ar de ‘posse’ que ele passa quando está perto dela, não de um jeito ruim, pelo contrário, de um jeito bem intenso e interessante.

Rowan é o alicerce de Aelin e vice e versa, podemos ver o quando os dois saíram da escuridão de perdas e lutos se apoiando um no outro. O relacionamento de ambos trás algo mais leve e intenso para o livro e é claro as falas afiadas, piadas entre eles fazer você shippá-los e torcerem logo para se pegarem rs.

Temos Chaol que ganha seu destaque nesse livro, podemos ver ele travar batalhas internas quanto a Dorian, mas no resto ele já escolheu seu lado e que pelo que vai lutar e com a entrada da personagem Nesryn, Chaol e ela fizeram uma grande dupla nas lutas e batalhas e confesso que ''shippo'' esse dois.

Temos Dorain/príncipe Valg que aparece pouco na história, mas vemos pontos de vista tanto de Dorian quanto do demônio que está em seu corpo e como o demônio facilmente o controla com ações horrendas e sombrias. Foi difícil não sentir pena do personagem ao longo da trama, apesar de ganhar mais destaque no final do livro espero que o personagem apareça mais no próximo livro e quero muito ver melhor a interação dele com Manon das bico negro.

Falando em Manon, no livro anterior confesso que algumas cenas foram enfadonhas narradas pela bruxa, mas foram essenciais para esse livro. E nesse livro consegui ter uma simpatia enorme pela bruxa que teve um crescimento enorme, que conseguiu enxergar que aquela vida que foi criada não era exatamente o certo e que ela poderia mudar seu destino. Sua interação com as outras bruxas nesse livro fica mais abrangente e conhecemos melhor algumas das outras bruxas do clã.

Temos Elide, a doce Elide que apareceu nesse livro e já estava me perguntando dela desde o anterior. E gostei muito da personalidade da personagem, Sarah construiu uma personagem forte por dentro, mas que por fora apesar de ser fraca se mostrou uma grande revelação na história e a interação dela com Manon foi muito bem feita.

Temos outra personagem nova que se chama Lysandra e que uau, teve um super aparecimento na história, apesar de Aein já conhecer ela, podemos ver o quanto Lysandra é forte, destemida e o quanto sofreu em um bordeu e nas mãos de Arobynn e se você de inicio acha que é só uma personagem passageira, se prepare para conhecer melhor essa mulher, pois com certeza ela vai se tornar uma das suas personagens femininas favoritas.

Temos Lorcan que aparece em algumas desse livro e é difícil ter uma definição do personagem, mas no final espero que ele e seus companheiros ganhem destaque.
Sobre a ambientação, se nos livros anteriores foi bem feita, nesse livro está espetacular. Sarah narra muito bem os cenários e as cenas de ação da história e é fácil se imaginar dentro daquele mundo.

Livre de spoilers.

Algumas revelações também surpreende o leitor e conseguimos agora entender o que se passou no passado e como isso tudo afeta o futuro de todos.
Sobre a diagramação ela melhorou muito comparada aos livros anteriores, na onde encontrei vários errinhos por toda a história e nem posso falar das capas da série que particularmente eu gosto bastante.

Com um final até meio fechado, estou ansiosa para ler o quinto livro da Série Império de Tempestades que foi (não sei porque raios) divido em duas partes.
E espero me encantar ainda mais com essa série que já virou uma das minhas queridinhas do momento.
Para finalizar posso conclui que Rainha das Sombras com certeza consegue superar seus livros anteriores e trás uma história rica em detalhes, lutas e muita fantasia.
Será que posso favoritar duas vezes?



10 comentários

  1. Hey Jess! Tudo bem?
    Eu conheci a escrita da Sarah através da série Corte de Espinhos e Rosas e adorei! Estou doida pra começar a série trono de vidro pois sei que vou amar assim como você.
    Adorei a sua resenha, está completíssima!
    Obrigada por comentar lá no blog.
    Volte sempre!

    | Blog Misto Quente | Siga no Instagram | Curta no Facebook |

    ResponderExcluir
  2. Oi Jess! Este é meu favorito da série. Quando li o seguinte fiquei na dúvida se a autora iria superar este e apesar de ser muito bom também, este me emocionou mais. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  3. Oi, Jess!

    Confesso não ter muita vontade de ler o livro, mas com todos os elogios, não tem como não despertar uma certa curiosidade com a história. Fiquei surpresa em saber que o quarto volume consegue ser ainda melhor que seus anteriores. Isso já dá um ânimo pra dar uma chance à leitura!

    xx Carol
    https://caverna-literaria.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Oi Jess, tudo bem?
    Amei a sua escrita. Nunca tive muita vontade de ler esse livro apesar de que vejo muitos comentários positivos.

    Outono Literário

    ResponderExcluir
  5. Oi Jess, eu fico impressionada porque essa série é grande com longos livros e autora consegue manter o alto nível!! Que bom que foi uma boa leitura!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  6. Oie, td bem?
    A Ale do blog: "Estante da Ale" sempre me fala desse livro e comecei a ler, mas parei :(
    Sua resenha me empolgou a voltar!
    Beijos
    www.somosvisiveiseinfinitos.com.br

    ResponderExcluir
  7. Nossa o enredo é bem interessante e nos deixa curiosos hein.
    Beijinhos ;*

    Blog Menina Caprichosa | Canal Youtube | Facebook | Insta

    ResponderExcluir
  8. Oi Jess, tudo bem?
    Acho as capas dessa série tão lindas!
    Eu espero ler um dia, mas confesso que o tamanho dos livros me intimida um pouco rs.
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  9. Primeiramente as fotos estão lindas. Eu nunca li a série mas adorei ver o quanto você amou a história do livro. Tenho medo dessa série porque os livros são muitoooo enormes hehehe, você viu a grossura do último lançamento? Essa mulher escreve de mais hehehe

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir

Desenvolvido por: Adorável Design Editado por: Jessica Andrade

imagem-logo