quarta-feira, 17 de janeiro de 2018

Resenha - Como Eu Imagino Você


Título:  Como Eu Imagino Você
Autor:   Pedro Guerra
Editora:  Gutenberg
Classificação: 
Páginas: 190
Sinopse: Não consigo definir o formato do seu rosto, muito menos se aquele borrão embaixo é uma barba rala ou não. Percebo que o cabelo é volumoso e tento desenhar na minha mente as ondas que aqueles fios formam. Uma doença rara diagnosticada na infância nunca impediu Helena de enxergar o mundo, e mesmo com todos os obstáculos, ela é uma jovem alegre, independente e muito sensível. Mas é à noite que Lena sente seu coração se encher de dúvidas e agitação ao se “encontrar” com um misterioso rapaz que surge constantemente em seus sonhos. E, apesar de não enxergá-lo com nitidez, ela sabe exatamente como ele é. Um dia, seus pais precisam fazer uma viagem e a jovem é obrigada a ficar sozinha em casa. Quer dizer... não totalmente sozinha. Sua mãe havia contratado um rapaz para cuidar do jardim. E aquilo que parecia ser uma visita indesejada pode trazer uma enorme mudança em sua vida. Para sempre... “Posso vê-lo mais do que a minha capacidade de enxergar permite. Consigo ver que ele é diferente."


Resenha:

Como Eu Imagino Você é um livro leve, com história bonita, um romance doce e uma forma de ver o mundo diferente.
Quando a editora lançou o livro do Pedro Guerra, fiquei muito curiosa devido a premissa da história e por ser um romance com uma história emocionante, pois nossa protagonista Helena é uma garota que acabou de completar 18 anos e sofre de uma doença desde os 8 anos chamada Stargardt e ela vai perdendo a visão aos poucos, agora ela só tem 20% de sua visão e, a cada dia, o sonho de uma vida independente vai ficando cada vez mais difícil para Lena. Apesar de tudo isso, Lena vive a vida cada dia normalmente e sempre é uma garota que está sorrindo, ainda mais por ter um melhor amigo fiel e que está sempre ao seu lado, brincando e dividindo segredos com ela. Apesar de todos os seus problemas, Lena é muito feliz por ter sua família e Lucas que é seu melhor amigo.
 “ Ás vezes, a única coisa que a gente quer é ser normal. Mas aí percebemos que todo mundo a nossa volta tenta insistentemente ser normal, se enquadrar em certo padrão para ser aceito, e aí a gente não quer ser como outros. Nós percebemos depois de alguns erros que está tudo bem em sermos quem somos, como somos.’’

Ela vive com os pais que são biólogos, eles são muito preocupados com Lena e sempre estão do lado dela para tudo. Só que um dia eles precisam fazer uma pequena viagem a trabalho e resolvem com Lena quase implorando, deixa-la sozinha em casa.
De uns dias para cá Lena vem tendo sonhos com um garoto que nunca viu na vida, ela não sabe o porquê, mas sabe que assim que dorme o garoto aparece para ela, confusa Lena tenta entender porque esses sonhos acontecem e porquê agora.
Apesar de seus dramas, Lena agora pode provar para os pais que de uma vez por todas ela não precisa o tempo todo que alguém a vigie, pois ela já tem 18 anos.

“ Depois de tantos tropeços, entendi que nós somos responsáveis pelos nossos próprios medos.”


Mas sua mãe acaba frustrando ela quando diz que já tinha contratado um jardineiro para arrumar o jardins dos fundos, onde sua avó antes de falecer cuidava. Mesmo sabendo que terá que lidar com o jardineiro por alguns dias, Lena tenta ser organizar para poder ficar em casa sozinha e curtir sua independência.
 Só que ela não esperava que o jardineiro que apareceu para cuidar dos jardins fosse o cara que ela vem sonhando alguns dias e logo os dois criam uma conexão, Lena se questiona cada vez mais com a incrível coincidência. Será que Lena está ficando maluca? Ou será que tudo isso terá uma explicação?

‘’ Não podemos esconder de nós mesmos aquilo que somos.”



Como Eu Imagino Você foi um livro gostosinho de ler, peguei em uma tarde e o devorei no mesmo dia por ser pequeno. Pedro Guerra nos trás uma personagem forte, que apesar de sua doença não se deixou abalar durante esse tempo todo, e apesar de saber o que lhe espera do futuro, ela tenta viver  o agora. Sua interação com a família é bem próxima, mas não apelativa, o que me fez gostar bastante. Sua amizade com o Lucas é uma daquelas amizades que a gente quer ter com alguém para a vida toda, e suas referências a bandas, séries não passou despercebido durante a leitura, fazendo tudo parecer ser algo de agora.
Alex que é o nosso jardineiro misterioso, foi um personagem que no começo fiquei um pouco desconfiada dele, pois a interação dele Lena é muita rápida, mas minhas duvidas logo dissiparam ao ver que ele era um personagem muito bondoso, engraçado e romântico.
Lucas é muito engraçado e ele e Lena juntos traz uma luz para a história toda, apesar de quase ter um romance entre os dois, o autor soube dosar o relacionamento deles e o caminho que seguiu.
Achei o livro com muitas frases marcantes, que deixa a gente refletindo um pouco sobre a vida e gostei muito do rumo da história até a conclusão dela, pois foi algo real, nada triste e nem feliz demais.
A diagramação está ótima e contamos com algumas interações durante o livro, passagens de estações e de momentos também.
Outro personagem que gostei muito foi o Antony, irmão do Alex,queria que tivesse um livro só dele mais velho.
Posso dizer resumidamente que gostei muito da história e da escrita do autor, por ser objetiva e clara e posso dizer que aprendi muito com Lena, principalmente a ver a vida de uma outra maneira, apesar de termos problemas, precisamos ver o lado bom das coisas, aproveitar os momentos da vida, pois ela é tão passageira, se focarmos só nos problemas não vamos estar vivendo plenamente.
Super indico.
‘’ Tudo na vida depende do tempo...quando você tem muitas horas, não se importa em perder alguns minutos do seu dia. Porém, quando você passa a ter apenas alguns minutos, cada segundo vale muito.”

18 comentários

  1. Oi Jessica
    Eu achei a capa super moderna e legal mas n tinha parado pra ler a sinopse
    Gostei da resenha e qro conferir, vou colocar na minha infinita listinha
    hehehehehehe

    muitospedacinhosdemim.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi Jess, é a segunda resenha positiva que leio desse livro, estou bem curiosa! É sempre bom quando a gente aprende algo com os personagens <3

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  3. Oi Jess! Eu não tive oportunidade de ler o livro ainda, mas fiquei bem animada com sua resenha e vou ver se adquiro em uma próxima compra. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  4. Oi Jess, tudo bem?
    Esse livro parece ser tão lindinho <33
    Sou louca para ler ele!
    Adorei a resenha.

    bjs

    Say My Book

    Siga o Instagram

    ResponderExcluir
  5. Oi Jess,
    O livro parece sr muito amorzinho.
    Estou doida pra ler e adoro essa referências.

    bjs
    Nana - Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
  6. Esse livro parece ser super fofo. Não sou fã do gênero, mas sabe que até fiquei curiosa?

    Beijo!
    Cores do Vício

    ResponderExcluir
  7. Helloo, tudo numa nice?!
    Acho interessante como as pessoas podem ter visões diferentes sobre uma mesma estória. Eu comecei a ler esse livro no ano passado, mas mesmo ele sendo pequeno não consegui terminar a estória. Acho que parei na página sessenta e pouco, mas não deu. Achei a estória meio ruim. Não gostei do Alex - além de ter achado muito esquisita e conveniente a maneira como ele apareceu - e preferi o Lucas como o par amoroso de Lena. Teve certas coisas na leitura que me deixou incomodada, por exemplo: como a Lena pode ter deixado um cara que ela não conhece entrar em sua casa e sobretudo sem a supervisão de alguém. Isso não me desceu, sobretudo com o problema que ela enfrenta. Enfim, não foi uma boa obra pra mim e dei um DNF.
    Mas que bom que você pôde apreciar a leitura. O importante é a catarse que a leitura provoca em nós.
    Beijin...
    Alana Gabriela | Books and Stuff

    ResponderExcluir
  8. Não conhecia o livro, nem o autor, mas fiquei bastante curioso, primeiro porque a capa é linda e depois a história que parece ser muito interessante =)

    MRS. MARGOT

    ResponderExcluir
  9. Oi Jess,

    Eu gosto muito da capa deste livro, acho muito linda. Recentemente li uma resenha deste livro e fiquei com um pé atrás, e mesmo tendo adorado o que escreveu, preferi com a minha decisão de não ler. Porque o livro tem poucas páginas e acredito que em alguns momentos a história parece ser corrida, e mesmo sendo objetiva como disse, acredito que pelo enredo apresentado, umas páginas a mais, poderiam dar algum sentido e algumas cenas, mas essa é a minha opinião pessoa, em base do que já li por ai. O importante foi que você gostou. Um xero!

    https://minhasescriturasdih.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Oi, Jess!

    Também adorei o livro! A Lena é uma personagem muito forte, adorei o fato de ela estar sempre sorrindo, apesar de suas deficiências. Mas admito que não morri de amores pelo Alex, não. Em certos momentos até torci pra ela ficar com Lucas, mesmo sabendo que isso não ia acontecer. E concordo com você, tem várias frases marcantes pra refletir, gostei muito disso também!

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Olá! Tudo bem?
    Senti uma delicadeza tão grande lendo sua resenha apesar de não conhecer o livro.
    Obrigada por comentar em meu blog.
    Volte sempre!

    Um abraço,
    miiistoquente ~ Thamiris Nunes

    ResponderExcluir
  12. Olá, Jéssica.
    A sua é a primeira resenha que leio que elogiou o Alex, todas as outras não gostaram dele. que bom que sua opinião foi diferente. Mas ainda assim acho que é um livro que eu não leria.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  13. Gosto de pegar livros assim, que a gente consegue devorar numa tarde e sai com a sensação de dever cumprido. De que lemos algo bom e que valeu a pena.

    Abraços,
    Naty
    http://www.revelandosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  14. Um livro leve e despretensioso... Espero poder lê-lo, pois adorei o enredo.

    Super beijos,
    Neila Bahia - Blog Insanos Dezembros ♥


    ResponderExcluir
  15. Que resenha maravilhosa!! Amei, amei e amei!!! Já estou louca para ler o livros preciso dele, preciso conhecer esse outro mundo, aí meu coração kkkk surtando aqui!
    Certos vamos manter a calma e correr atrás do livro haha a resenha está maravilhosa ❤️❤️
    Beijos ❤

    Jardim de Palavras

    ResponderExcluir
  16. Oiii Jess

    Que livro fofo e bom saber que dá pra ler em uma sentada, não sabia que era tão curtinho. A capa está maravilhosa também.

    Beijos

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
  17. Olá! Logo de cara a história me chamou atenção e sua resenha despertou meu interesse na leitura, parece realmente algo muito gostoso de ler. Parabéns pela ótima resenha.
    Beijo grande,
    Café, Vodka e Literatura

    ResponderExcluir
  18. Oi Jess!
    Já vi esse livro por vários blogs e canais,mas nunca tive a curiosidade de pegar a sinopse pra dar uma olhada.Não imaginava que fosse uma história com um grau de dramaticidade e emocional tão grande.
    Fiquei curioso agora pra começar a ler!
    Beijos!

    http://livreirocultural.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Desenvolvido por: Adorável Design Editado por: RM Design

imagem-logo